sexta-feira, 6 de junho de 2014

Reponho uma poesia do pormário Sombras luminosas:

Grito na sombra

Era um grito, ou era uma luz sonâmbula,
ou um gato que mia, porque os gatos miam.
Não sou o hermeneuta porque esperam
estou para além do nevoeiro

António Eduardo Lico

4 comentários:

  1. Além do nevoeiro o que nos aguarda?
    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para além do nevoeiro, ninguém sabe.
      Bom fim de semana minha amiga.
      Abraço.

      Eliminar
  2. Olá, António, tudo bem ?

    E as vezes estamos além do ponto de interrogação.
    Desejos, de um bom fim de semana.
    Paz, saúde e paciência sobre tudo, afinal, nesta correria em que a vida transformou-se, é o humor, que seduz a alma e faz acontecer.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah pois estamos caro amigo.
      Bom fim de semana.
      Abraço.

      Eliminar